Reflexão

A engenhosidade divina

A Hidrelétrica de Itaipu, localizada nas fronteiras do Brasil e o Paraguai, é uma obra ímpar da engenharia.

Junto à ponte Golden Gate, o Eurotúnel, é considerada uma das sete maravilhas do mundo moderno. Foram grandes os desafios enfrentados para a sua construção: desviar o leito do rio, construir a barragem, preservar a fauna e a flora.

São milhões de toneladas de concreto. Em verdade, concreto suficiente para se construir 210 estádios de futebol do tamanho do Maracanã. Concreto e cimento.

E turbinas com capacidade, cada uma delas, para gerar eletricidade suficiente para abastecer uma cidade de um milhão e meio de habitantes.

A Estrada de Ferro Curitiba-Paranaguá é outra arrojada obra da engenharia, onde o homem desafiou os abismos e venceu as montanhas.

Alongando pontes para unir extremidades, explodiu a rocha para penetrar na intimidade dos morros.

São 110 quilômetros de estrada, com 13 túneis atravessando rocha maciça.

Qualquer pessoa que faça o trajeto ferroviário, não poderá deixar de reverenciar a extraordinária obra da engenharia, inserida no belo panorama da natureza da Serra do Mar.

Duas obras da engenharia. Arrojadas na concepção. Magníficas nos benefícios que proporcionam. Uma e outra romperam a barreira dos anos, demonstrando que os que as conceberam pensaram grande. Muito à frente do seu próprio tempo.

Para que construir uma hidrelétrica com tamanha potência de geração de eletricidade? O que se fará com tudo isso?

Para que enfrentar a rocha, os abismos, para construir uma ferrovia? Já não há a Estrada da Graciosa, magnífica?

Eram questões levantadas pelos que somente pensam no seu presente. Pensam pequeno. Mas os gênios são assim. Extrapolam o tempo, idealizam. Pensam grande. Graças a eles o progresso se faz contínuo, em benefício das comunidades.

E se o homem apresenta tal genialidade, imagine-se o Criador do homem.

Por isso é que as mentes abertas não se cansam de perguntar:

Quem acende as estrelas? Quem puxa o manto da noite? Quem acorda o sol e suspende a lua?

Sim, são as crianças. Esses seres inigualáveis, que não se cansam de fazer perguntas. Perguntas que o homem comum sequer cogita.

Mas, elas indagam. E, geniais, argumentam muito além do que o comum de muitos que andam pela Terra acreditando tudo saber.

E, para as suas perguntas a respeito do Mundo, do Universo e das coisas que parecem inexplicáveis, a sabedoria das mães tem uma palavra: Deus!

Sim, Deus é o Criador de todas as coisas. A Inteligência Suprema do Universo.

O amor gerador de tudo que existe, nosso Pai. É Ele que não cessa de criar. Que não se cansa de inventar mais maravilhas, para que o homem não pare de pesquisar, indagar, descobrir. Para que use a inteligência que Ele lhe deu para crescer e iluminar-se, como as estrelas que enriquecem de luzes o firmamento.

Um poeta escreveu que, aos seis anos, encantado com o mar e os ventos, perguntou para sua mãe:

Que pode haver maior do que o oceano, ou que seja mais forte do que o vento?

E sua memória recorda que sua mãe olhou para os céus, sorriu e respondeu:

Um ser que nós não vemos. É maior do que o mar que nós tememos. É mais forte que o tufão, meu filho.

É Deus!

Casimiro de Abreu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.