Família,  gospel,  gravidez,  infertilidade,  Milagre,  Mundo Cristão,  testemunho

Casal que não podia gerar engravida após profecia de missionário: “Deus dará um filho”


Casal que não podia gerar engravida após profecia de missionário: "Deus dará um filho"

O casal cristão Rosileny Rosa Martins e Paulo Martins Neto, do Tocantins, sonhavam em gerar um filho. Por isso, logo após o casamento, já planejaram engravidar.

Na época, Rosileny tinha 26 anos e realizou exames, que confirmaram que ela estava pronta para uma gestação.

Porém, a gravidez não aconteceu e o esposo descobriu que era estéril. Mesmo com a medicina dizendo que era impossível, o casal creu que Deus poderia realizar um milagre.

“Ele queria ser pai e por esse motivo, orava pedindo a Deus esta graça”, contou Rosileny, ao Site Mulher Cristã. 

Em 1995, ela e o esposo receberam em sua casa, pela primeira vez, o missionário Samuel Sebastian, da África, junto com o pastor da igreja do casal. 

“Enquanto eu, meu esposo e o Pr. Jonas Borges sentamos à mesa para o lanche, o homem estava no meio do jardim, com as mãos para o alto, penso que orando porém, não entendi uma palavra”, disse Rosileny.

O pastor foi até o missionário e o chamou para lanchar. Eles entraram na casa sorrindo e Jonas disse: “Rosileny, o Sebastián disse que já te conhecia, mas falei com ele que você nunca foi a Gana, e que ele nunca tinha vindo ao Brasil, como ele te conhecia? Ele está dizendo que foi através de uma visão que o Senhor deu”.


Rosileny e Paulo Martins enfrentaram a infertilidade, mas viveram um milagre de Deus. (Foto: Facebook/Rosileny Rosa Martins).

Palavra profética

Sem entender o português, o pastor era o intérprete do missionário. Na noite daquele dia, Sebástian pregou na igreja do casal e contou que teve uma revelação de Deus sobre a vida deles.

“Em um dado momento da pregação, Sebastián parou, pediu que meu esposo se colocasse de pé, ungiu-o e pediu que ele me ungisse. Após esse ato, ele entregou a seguinte palavra profética para a igreja: ‘De hoje há um ano, a igreja vai ver a glória de Deus na vida deste casal. Deus os dará um filho’”, afirmou Rosileny.

“E pediu que a igreja orasse por nós. Ajoelhados, recebemos a palavra com lágrimas e uma grande presença espiritual”.

Direcionada a jejuar

Naquele mesmo ano, a mulher sentiu Deus lhe direcionando para jejuar por 30 dias. “Após receber essa palavra, fiz uma pergunta: ‘Por quê?’ e a resposta veio imediatamente: ‘Por você mesma’. Não entendendo bem, concordei e na hora do almoço, sem dar muitas explicações, conversei com o Paulo, para entrarmos num acordo”, disse Rosileny.

Após dois dias de jejum, ela começou a passar muito mal e foi internada com o diagnóstico de desidratação.

“Porém, ao voltar para casa não melhorei, mesmo seguindo as orientações médicas. Voltei a ficar hospitalizada para ser hidratada por três vezes”, afirmou a cristã.

Depois dos exames não mostrarem nenhuma anormalidade em seu estado de saúde, o médico ficou intrigado e receitou uma medicação para vermes.


Rosileny e sua família. (Foto: Facebook/Rosileny Rosa Martins).

“Nesse exato momento, aquela voz que ordenou que eu fizesse o jejum, falou bravamente: ‘Você está grávida!’. Assustada, por não estar me lembrando da profecia, consegui raciocinar, enquanto o médico explicava a complexidade do tratamento”, contou Rosileny.

Então, ela perguntou: “E se eu estiver grávida, doutor?!”. “Com o olhar perturbado, disfarçou com sorriso e brincou: ‘Mas seu marido não faz filho!’, relatou a mulher.

O médico prescreveu um teste de gravidez e para sua surpresa, Rosileny realmente estava grávida, em um verdadeiro milagre.

Cumprindo a promessa que Deus havia feito ao casal, no Dia das Mães do ano seguinte, a mulher deu à luz um menino.

“Foi um presente sensacional em uma data especial. Eu tinha 35 anos quando meu filho nasceu e dois anos e meio depois chegou a Dahra Hadassa, para a glória de Deus! A realização do milagre se completou conforme a promessa”, testemunhou a mãe.

Hoje, com 59 anos, Rosileny declara: “Quando Deus fala, Ele cumpre, pois é necessário que ‘retenhamos firmes a confissão da nossa esperança, porque fiel é o que prometeu’ (Hb. 10.23). Vivo a testificar do grande amor de Deus para com a nossa família”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.