David Arthur,  gospel,  Jesus,  Notícias,  testemunho,  transgênero

Transgênero com Aids se entrega a Jesus em leito de hospital: “O plano de Deus é melhor”


Transgênero com Aids se entrega a Jesus em leito de hospital: “O plano de Deus é melhor”
Depois de viver na prostituição como transgênero, em 2009, David Arthur foi informado de que havia contraído HIV/Aids e tinha apenas três meses de vida. Com medo da morte, ele leu a Bíblia no leito do hospital e entregou sua vida a Jesus Cristo.

“Eu estava na cama de um hospital sob cuidados paliativos quando li um versículo na Bíblia que dizia: ‘Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão (Romanos 1:27)’”.

“As palavras daquela passagem da Bíblia e a lembrança de um agente penitenciário que pregou para mim na prisão me compeliram a começar a orar e confessar meus pecados ao Pai Celestial”, contou Arthur à igreja Trinity at the Eastern Gate, em Ohio, nos Estados Unidos.

Hoje, dez anos depois, Arthur tornou-se um testemunho de transformação para as pessoas que vivem no estilo de vida LGBT. Ele incentiva outros a mudarem de vida através de seu ministério “I Belong Amen Ministries”.

“Recentemente testemunhei a duas prostitutas transexuais que foram molestados quando crianças; e é assim que o movimento LGBT recruta seus números. Em nossa conversa, eles me disseram que sabiam que Deus não os criou para serem assim, e me abraçaram quando lhes contei a verdade sobre o movimento”, relatou.

Criado sem pai, David cresceu buscando a proximidade de um homem que lhe faltava. “Fui molestado por vários homens adultos durante toda a minha infância. Associei atenção sexual negativa à intimidade que eu desejava”, ele contou.

“Aos 9 anos, eu saía cedo da escola para ir a pontos de ônibus e banheiros públicos para ter encontros com velhos sujos, já que eu desejava essa proximidade. Naquela época, essa era a única intimidade que eu conhecia”, acrescentou.

David admite que quanto mais feminino ele agia, mais atenção ele recebia. “Comecei a me vestir como uma garota, apesar das objeções da minha mãe. Aos 14 anos, saí de casa e fui para as ruas da Filadélfia”, lembrou.

“Eu fui abraçado pelo movimento LGBT e eles me colocaram sob suas asas desde que eu era jovem e frágil. Por fim, comecei a injetar hormônios femininos. Enquanto as crianças da minha idade estavam pensando em sua primeira dança na escola, meu objetivo era me tornar a melhor prostituta que eu poderia ser”, completou.

Reviravolta

Depois de se envolver com drogas e ser preso várias vezes, David foi detido e encontrou um agente penitenciário que lhe disse que ele era um “homem” e não um transgênero. O guarda também começou a plantar sementes do Evangelho na vida de David, contando a história de Saulo, que mais tarde se tornou Paulo. O guarda chegou até mesmo a dizer que um dia David libertaria muitos cativos.

Em 2008, David começou a ter problemas nas costas e precisou da ajuda de um andador. Ele foi diagnosticado com osteoporose, devido aos hormônios femininos que fragilizaram seus ossos.

Um ano depois, David teve foi diagnosticado com Aids. “Meu sistema de imunidade foi dizimado quando as células T passaram de dez mil para zero. Eu tinha Infecções no meu sangue, meu cérebro e feridas cobriam todo o meu corpo”.

Depois do momento em que David confessou seus pecados e se entregou a Jesus, seu corpo passou por uma transformação extrema. Os médicos que acompanhavam seu caso não tinham explicação científica para a reviravolta milagrosa de seu sistema imunológico. 

A densidade óssea de David hoje é melhor do que a média de um homem de sua idade. Ele reconhece que Deus o salvou e lhe deu uma missão para alcançar outros que sentem a falta do amor de um pai.

“A sociedade denota erroneamente a intimidade como sendo algo sexual. A verdadeira intimidade é compartilhar um vínculo estreito com alguém, como Davi compartilhou com Jônatas na Bíblia. Desde a minha experiência com Deus, eu sei que estou indo para o céu. Eu vou pegar tudo o que este mundo lançar contra mim porque eu não sou mais quem eu era. A razão pela qual eu não sou quem eu era é porque eu pude aprender que a intimidade é dada por Deus e que o Seu plano é melhor”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.